Dor de dente? Saiba como tratar e prevenir a cárie

6

Dor de dente? Saiba como tratar e prevenir a cárie

6 visualizações

Você sabe o que é a cárie? É a doença responsável pela deterioração do dente. Diferente do que muitas pessoas imaginam, a cárie não é uma bactéria ou algum “bichinho”, mas o nome dado quando já existe o processo de mancha, desmineralização e cavitação do elemento dental. Ela é causada quando um grupo de bactérias da espécie Streptococcus mutans (presente naturalmente na boca) e restos de alimentos, que se acumulam, causam a placa dentária e acabam liberam ácidos que causam o processo carioso. 

Sintomas da cárie 

Os sintomas da cárie podem variar. No início, uma placa bacteriana provoca manchas esbranquiçadas. Nessa etapa, não há sintomas, mas caso o esmalte dentário seja deteriorado, vão surgir manchas escurecidas e que, sem tratamento, tendem a progredir e atingir tecidos mais profundos do dente.  

Quando o dano chega à parte mais interna do dente (a camada abaixo do esmalte), o paciente pode começar a sentir sensibilidade e dor ao mastigar ou ao contato com o frio. Quando a infecção chega à polpa (canal do dente), a dor é intensa e pode ser contínua, pois trata-se da parte mais inervada do dente. 

Sem tratamento, a cárie avança para inflamação da gengiva e a infecção pode chegar à raiz, com formação de abscessos, o que pode gerar a perda do dente e problemas nos tecidos de sustentação (ossos e gengiva) e outros dentes da região. 

Quais são os fatores de risco da cárie? 

Os principais fatores de riscos estão ligados à higiene e à alimentação, mas também a fatores genéticos e sistêmicos: 

  • Controle inadequado da placa bacteriana por má higienização 
  • Malformações dentárias e/ou anatomia irregular do dente 
  • Dieta inadequada, especialmente consumo em excesso de carboidratos e açúcares 
  • Ambiente bucal ácido e/ou com baixo flúor 
  • As características da saliva, incluindo diminuição do fluxo de saliva (devido a medicamentos, radioterapia e/ou doenças sistêmicas que causam disfunção do fluxo salivar)

Como tratar a cárie? 

O tratamento depende de acordo com a fase da cárie. Quando ela está inativa e ainda não gerou danos ao esmalte, é necessário realizar uma limpeza no consultório e em alguns casos aplicar matérias restauradores sobre o dente. 

Quando a cárie já atacou o esmalte e provocou danos mais profundos, estético ou que geram dificuldades para mastigar, pode ser necessária uma restauração dentária que são realizadas nos consultórios odontológicos. 

Dependendo da profundidade e nível de acometimento, algumas vezes também é necessário realizar o tratamento de canal, confecção de coroas sobre o dente e em últimos casos a extração do dente. 

O melhor tratamento será indicado após a avaliação de um dentista.  

Como prevenir o processo carioso? 

Para prevenção é essencial manter a higiene bucal em dia. Porém, também é preciso acompanhar outros fatores, como a alimentação, por exemplo, na qual precisamos diminuir a ingestão de açúcar e bebidas ácidas, substituindo por uma dieta rica em fontes de cálcio. 

  • Escovação no mínimo três vezes ao dia e uso regular de fio dental 
  • Uso de flúor com fluoração de água, escovação com pastas fluoretadas e aplicação tópica em consultório odontológico 
  • Limpeza dental consultório odontológico regular de acordo com o indicado pelo seu dentista 

Agora que você já sabe tudo sobre a cárie, tenha uma alimentação saudável, faça a correta escovação e uso de fio dental, e consulte o seu dentista de confiança no mínimo duas vezes ao ano! 

Um sorriso bonito é um sorriso saudável! 

 

FONTE: 

https://www.colgate.com.br/oral-health/cavities/what-are-cavities 

https://www.msdmanuals.com/pt-br/profissional/dist%C3%BArbios-odontol%C3%B3gicos/dist%C3%BArbios-dentais-comuns/c%C3%A1rie#:~:text=%C3%89%20a%20deteriora%C3%A7%C3%A3o%20dos%20dentes,met%C3%A1lico%20fino%20e%20radiografias%20dentais 

https://crosp.org.br/noticia/croba-discute-importancia-do-fluor-nas-aguas-de-abastecimento-da-bahia-para-reducao-da-carie/ 

https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/carie/ 

Você sabe o que é a cárie? É a doença responsável pela deterioração do dente. Diferente do que muitas pessoas imaginam, a cárie não é uma bactéria ou algum “bichinho”, mas o nome dado quando já existe o processo de mancha, desmineralização e cavitação do elemento dental. Ela é causada quando um grupo de bactérias da espécie Streptococcus mutans (presente naturalmente na boca) e restos de alimentos, que se acumulam, causam a placa dentária e acabam liberam ácidos que causam o processo carioso. 

Sintomas da cárie 

Os sintomas da cárie podem variar. No início, uma placa bacteriana provoca manchas esbranquiçadas. Nessa etapa, não há sintomas, mas caso o esmalte dentário seja deteriorado, vão surgir manchas escurecidas e que, sem tratamento, tendem a progredir e atingir tecidos mais profundos do dente.  

Quando o dano chega à parte mais interna do dente (a camada abaixo do esmalte), o paciente pode começar a sentir sensibilidade e dor ao mastigar ou ao contato com o frio. Quando a infecção chega à polpa (canal do dente), a dor é intensa e pode ser contínua, pois trata-se da parte mais inervada do dente. 

Sem tratamento, a cárie avança para inflamação da gengiva e a infecção pode chegar à raiz, com formação de abscessos, o que pode gerar a perda do dente e problemas nos tecidos de sustentação (ossos e gengiva) e outros dentes da região. 

Quais são os fatores de risco da cárie? 

Os principais fatores de riscos estão ligados à higiene e à alimentação, mas também a fatores genéticos e sistêmicos: 

  • Controle inadequado da placa bacteriana por má higienização 
  • Malformações dentárias e/ou anatomia irregular do dente 
  • Dieta inadequada, especialmente consumo em excesso de carboidratos e açúcares 
  • Ambiente bucal ácido e/ou com baixo flúor 
  • As características da saliva, incluindo diminuição do fluxo de saliva (devido a medicamentos, radioterapia e/ou doenças sistêmicas que causam disfunção do fluxo salivar)

Como tratar a cárie? 

O tratamento depende de acordo com a fase da cárie. Quando ela está inativa e ainda não gerou danos ao esmalte, é necessário realizar uma limpeza no consultório e em alguns casos aplicar matérias restauradores sobre o dente. 

Quando a cárie já atacou o esmalte e provocou danos mais profundos, estético ou que geram dificuldades para mastigar, pode ser necessária uma restauração dentária que são realizadas nos consultórios odontológicos. 

Dependendo da profundidade e nível de acometimento, algumas vezes também é necessário realizar o tratamento de canal, confecção de coroas sobre o dente e em últimos casos a extração do dente. 

O melhor tratamento será indicado após a avaliação de um dentista.  

Como prevenir o processo carioso? 

Para prevenção é essencial manter a higiene bucal em dia. Porém, também é preciso acompanhar outros fatores, como a alimentação, por exemplo, na qual precisamos diminuir a ingestão de açúcar e bebidas ácidas, substituindo por uma dieta rica em fontes de cálcio. 

  • Escovação no mínimo três vezes ao dia e uso regular de fio dental 
  • Uso de flúor com fluoração de água, escovação com pastas fluoretadas e aplicação tópica em consultório odontológico 
  • Limpeza dental consultório odontológico regular de acordo com o indicado pelo seu dentista 

Agora que você já sabe tudo sobre a cárie, tenha uma alimentação saudável, faça a correta escovação e uso de fio dental, e consulte o seu dentista de confiança no mínimo duas vezes ao ano! 

Um sorriso bonito é um sorriso saudável! 

 

FONTE: 

https://www.colgate.com.br/oral-health/cavities/what-are-cavities 

https://www.msdmanuals.com/pt-br/profissional/dist%C3%BArbios-odontol%C3%B3gicos/dist%C3%BArbios-dentais-comuns/c%C3%A1rie#:~:text=%C3%89%20a%20deteriora%C3%A7%C3%A3o%20dos%20dentes,met%C3%A1lico%20fino%20e%20radiografias%20dentais 

https://crosp.org.br/noticia/croba-discute-importancia-do-fluor-nas-aguas-de-abastecimento-da-bahia-para-reducao-da-carie/ 

https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/carie/ 

Últimas Publicações

Veja Nossos Vídeos

O De Bem com a Vida é um portal dedicado a reunir e disseminar boas práticas para saúde, bem-estar e qualidade de vida. Por meio de cartilhas e conteúdo, a plataforma traz informações atualizadas sobre o setor – notícias, legislação, dicas e muito mais. Além de agregar os insights e novidades em alta, o portal é atualizado mensalmente com campanhas de saúde e conscientização. O objetivo é compartilhar conhecimento de forma clara e didática e contribuir para a educação da população.

Inscreva-se
e receba novos conteúdos

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Política de Privacidade & Cookies