Quarentena e bebida alcoólica não combinam! Cuide da saúde

79

Quarentena e bebida alcoólica não combinam! Cuide da saúde

79 visualizações

A quarentena imposta pela pandemia da covid-19 transformou o cotidiano e o comportamento da sociedade. Entre essas mudanças está o aumento do consumo de álcool, que pode estar atrelado às ansiedades e tensões decorrentes do isolamento. Diante desse cenário, a Organização Mundial da Saúde (OMS) manifestou preocupação sobre o assunto.

Veja algumas das consequências do consumo excessivo de álcool a curto prazo:

  • Comportamento inadequado;
  • Humor instável;
  • Falta de discernimento;
  • Problemas de memória e reflexos;
  • Falta de coordenação motora.

De acordo com a OMS, não existe volume de álcool  que possa ser apontado como seguro para consumo. A substância é considerada tóxica para o organismo humano e, inclusive, está atrelada a doenças e lesões que podem comprometer o cérebro e afetar vários outros órgãos.

 Cuidado com os excessos. Eles podem causar:

  •  Doenças mentais;
  •  Cânceres de diversas naturezas;
  •  Problemas hepáticos, como a cirrose;
  • Alterações cardiovasculares, com risco de infarto e acidente vascular cerebral;
  •  Diminuição de imunidade;
  • Perda de controle e consequentes episódios de violência física contra si ou contra outras pessoas.

Preste atenção aos indicadores da dependência alcóolica!

  • Compulsão: uma necessidade forte ou desejo incontrolável de beber.
  • Dificuldade de controlar o consumo: notável dificuldade de parar de beber depois de ter começado;
  • Necessidade de doses maiores de álcool para atingir o mesmo efeito obtido com doses anteriormente inferiores.

IMPORTANTEo consumo de álcool durante a gestação aumenta o risco de aborto ou parto prematuro, má formação e até mesmo síndrome do alcoolismo fetal – doença caracterizada pelo retardo no crescimento do bebê dentro do útero e por consequentes complicações após o nascimento, como problemas de fala e raciocínio, diminuição da coordenação motora e cardiopatias.

E como posso aliviar as tensões da quarentena e contornar o consumo de álcool?

  • Encontre um ponto de equilíbrio saudável para que seu corpo e sua mente consigam ficar em harmonia durante o isolamento;
  • Estabeleça uma rotina;
  • Pratique atividade física;
  • Substitua-o por momentos com a família;
  • Cultive um hobby;
  • Estabeleça dias para o consumo social de bebidas alcoólicas. 

Mantenha-se  firme e cuide cada vez mais da sua saúde!

#MDSBrasil #Saude #Health #DeBemComAVida #DicasMDS #Allcolismo #Alcool #covid19 #coronavirus

A quarentena imposta pela pandemia da covid-19 transformou o cotidiano e o comportamento da sociedade. Entre essas mudanças está o aumento do consumo de álcool, que pode estar atrelado às ansiedades e tensões decorrentes do isolamento. Diante desse cenário, a Organização Mundial da Saúde (OMS) manifestou preocupação sobre o assunto.

Veja algumas das consequências do consumo excessivo de álcool a curto prazo:

  • Comportamento inadequado;
  • Humor instável;
  • Falta de discernimento;
  • Problemas de memória e reflexos;
  • Falta de coordenação motora.

De acordo com a OMS, não existe volume de álcool  que possa ser apontado como seguro para consumo. A substância é considerada tóxica para o organismo humano e, inclusive, está atrelada a doenças e lesões que podem comprometer o cérebro e afetar vários outros órgãos.

 Cuidado com os excessos. Eles podem causar:

  •  Doenças mentais;
  •  Cânceres de diversas naturezas;
  •  Problemas hepáticos, como a cirrose;
  • Alterações cardiovasculares, com risco de infarto e acidente vascular cerebral;
  •  Diminuição de imunidade;
  • Perda de controle e consequentes episódios de violência física contra si ou contra outras pessoas.

Preste atenção aos indicadores da dependência alcóolica!

  • Compulsão: uma necessidade forte ou desejo incontrolável de beber.
  • Dificuldade de controlar o consumo: notável dificuldade de parar de beber depois de ter começado;
  • Necessidade de doses maiores de álcool para atingir o mesmo efeito obtido com doses anteriormente inferiores.

IMPORTANTEo consumo de álcool durante a gestação aumenta o risco de aborto ou parto prematuro, má formação e até mesmo síndrome do alcoolismo fetal – doença caracterizada pelo retardo no crescimento do bebê dentro do útero e por consequentes complicações após o nascimento, como problemas de fala e raciocínio, diminuição da coordenação motora e cardiopatias.

E como posso aliviar as tensões da quarentena e contornar o consumo de álcool?

  • Encontre um ponto de equilíbrio saudável para que seu corpo e sua mente consigam ficar em harmonia durante o isolamento;
  • Estabeleça uma rotina;
  • Pratique atividade física;
  • Substitua-o por momentos com a família;
  • Cultive um hobby;
  • Estabeleça dias para o consumo social de bebidas alcoólicas. 

Mantenha-se  firme e cuide cada vez mais da sua saúde!

#MDSBrasil #Saude #Health #DeBemComAVida #DicasMDS #Allcolismo #Alcool #covid19 #coronavirus

Últimas Publicações

Veja Nossos Vídeos

O De Bem com a Vida é um portal dedicado a reunir e disseminar boas práticas para saúde, bem-estar e qualidade de vida. Por meio de cartilhas e conteúdo, a plataforma traz informações atualizadas sobre o setor – notícias, legislação, dicas e muito mais. Além de agregar os insights e novidades em alta, o portal é atualizado mensalmente com campanhas de saúde e conscientização. O objetivo é compartilhar conhecimento de forma clara e didática e contribuir para a educação da população.

Inscreva-se
e receba novos conteúdos

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Política de Privacidade & Cookies