Dezembro Vermelho – Mês da Conscientização e Combate à AIDS e ISTs

85

Dezembro Vermelho – Mês da Conscientização e Combate à AIDS e ISTs

85 visualizações

Essa tão importante campanha anual tem como objetivo contribuir para o aumento da informação e da sensibilização às formas de exposição ao HIV, visando a redução dos números de casos por meio de incentivos a mudanças de comportamento e prevenção. 

O vírus HIV 

Esse vírus, do tipo retrovírus, ataca o sistema imunológico, que é o responsável por defender o organismo de doenças. De acordo com especialistas, ele está presente principalmente no sangue e em algumas secreções do corpo, como o esperma e a secreção vaginal. Se a pessoa tiver contato com uma dessas secreções ou com o sangue contaminado por meio de perfuração, pois apenas o contato na pele não passa HIV, ela pode se contaminar. Entretanto, não há vírus na saliva, na urina, nas fezes e na lágrima, por exemplo. 

 AIDS X HIV – Qual a diferença? 

Para muitos, trata-se da mesma coisa, mas não é. A AIDS é um efeito colateral causado pelo vírus HIV. Com o avanço da ciência, hoje, a maior parte das pessoas que têm HIV não têm AIDS. Isso se deve, principalmente, ao acompanhamento da doença. 

Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) 

As principais são: 

As Infecções Sexualmente Transmissíveis são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos. O termo passou a ser adotado substituindo a expressão Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) porque destaca a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas. 

Por falar em transmissão 

Pessoas soropositivas (portadoras do vírus), que têm ou não Aids, podem transmitir o vírus a outras pessoas por meio de: 

  • Relações sexuais desprotegidas (vaginal, anal ou oral) 
  • Compartilhamento de seringas e/ou outros instrumentos perfurocortantes, contaminados 
  • De mãe para filho durante a gravidez e a amamentação, quando não tomam as devidas medidas de prevenção 

Por isso, é sempre importante fazer o teste e se proteger em todas as situações! 

Com as ISTs, acontece da mesma forma. Mas, apesar de ser menos comum, também podem ser transmitidas por meio não sexual, pelo contato de mucosas ou pele não íntegra com secreções corporais contaminadas, diferente da AIDS. 

Sinais e Sintomas 

Os primeiros sintomas da infecção pelo HIV são muito parecidos com os da gripe, como febre e mal estar. Por isso, a maioria dos casos passam despercebidos inicialmente. Com o tempo, o organismo fica cada vez mais fraco e vulnerável a infecções comuns, devido à redução do funcionamento das células de defesa que são destruídas. 

Na fase inicial, os sintomas mais comuns são, febre, diarreia, suor noturno e emagrecimento. Com a redução da imunidade, aparecem doenças chamadas de oportunistas. Recebem esse nome por se aproveitarem do enfraquecimento do organismo. Assim, o estágio mais avançado da doença é atingido, a AIDS. 

Diferentemente, ISTs manifestam-se, em geral, por meio de: 

  • Feridas 
  • Corrimentos e verrugas ano genitais 
  • Dor pélvica 
  • Ardência ao urinar 
  • Lesões de pele e aumento de ínguas 

Geralmente, as ISTs aparecem no órgão genital, mas, em alguns casos, surgem na palma das mãos, olhos e língua. 

Diagnóstico 

Após 30 dias de contágio, o diagnóstico para HIV pode ser realizado pela coleta de sangue ou por fluido oral. Além dos exames laboratoriais, existem os testes rápidos, que detectam os anticorpos em 30 minutos. Por isso, caso o resultado seja não reagente, mas permaneça a suspeita de infecção, recomenda-se que a testagem seja repetida após 30 dias. 

Agora que você tem em mãos todas essas informações, fique atento e previna-se! O uso de preservativo em todas as relações sexuais é o seu principal aliado. 

Abrace essa causa e deixe o preconceito de lado. Se prevenir é o melhor remédio! 

Fontes: Ministério da Saúde e UFRRJ   

Essa tão importante campanha anual tem como objetivo contribuir para o aumento da informação e da sensibilização às formas de exposição ao HIV, visando a redução dos números de casos por meio de incentivos a mudanças de comportamento e prevenção. 

O vírus HIV 

Esse vírus, do tipo retrovírus, ataca o sistema imunológico, que é o responsável por defender o organismo de doenças. De acordo com especialistas, ele está presente principalmente no sangue e em algumas secreções do corpo, como o esperma e a secreção vaginal. Se a pessoa tiver contato com uma dessas secreções ou com o sangue contaminado por meio de perfuração, pois apenas o contato na pele não passa HIV, ela pode se contaminar. Entretanto, não há vírus na saliva, na urina, nas fezes e na lágrima, por exemplo. 

 AIDS X HIV – Qual a diferença? 

Para muitos, trata-se da mesma coisa, mas não é. A AIDS é um efeito colateral causado pelo vírus HIV. Com o avanço da ciência, hoje, a maior parte das pessoas que têm HIV não têm AIDS. Isso se deve, principalmente, ao acompanhamento da doença. 

Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) 

As principais são: 

As Infecções Sexualmente Transmissíveis são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos. O termo passou a ser adotado substituindo a expressão Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) porque destaca a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas. 

Por falar em transmissão 

Pessoas soropositivas (portadoras do vírus), que têm ou não Aids, podem transmitir o vírus a outras pessoas por meio de: 

  • Relações sexuais desprotegidas (vaginal, anal ou oral) 
  • Compartilhamento de seringas e/ou outros instrumentos perfurocortantes, contaminados 
  • De mãe para filho durante a gravidez e a amamentação, quando não tomam as devidas medidas de prevenção 

Por isso, é sempre importante fazer o teste e se proteger em todas as situações! 

Com as ISTs, acontece da mesma forma. Mas, apesar de ser menos comum, também podem ser transmitidas por meio não sexual, pelo contato de mucosas ou pele não íntegra com secreções corporais contaminadas, diferente da AIDS. 

Sinais e Sintomas 

Os primeiros sintomas da infecção pelo HIV são muito parecidos com os da gripe, como febre e mal estar. Por isso, a maioria dos casos passam despercebidos inicialmente. Com o tempo, o organismo fica cada vez mais fraco e vulnerável a infecções comuns, devido à redução do funcionamento das células de defesa que são destruídas. 

Na fase inicial, os sintomas mais comuns são, febre, diarreia, suor noturno e emagrecimento. Com a redução da imunidade, aparecem doenças chamadas de oportunistas. Recebem esse nome por se aproveitarem do enfraquecimento do organismo. Assim, o estágio mais avançado da doença é atingido, a AIDS. 

Diferentemente, ISTs manifestam-se, em geral, por meio de: 

  • Feridas 
  • Corrimentos e verrugas ano genitais 
  • Dor pélvica 
  • Ardência ao urinar 
  • Lesões de pele e aumento de ínguas 

Geralmente, as ISTs aparecem no órgão genital, mas, em alguns casos, surgem na palma das mãos, olhos e língua. 

Diagnóstico 

Após 30 dias de contágio, o diagnóstico para HIV pode ser realizado pela coleta de sangue ou por fluido oral. Além dos exames laboratoriais, existem os testes rápidos, que detectam os anticorpos em 30 minutos. Por isso, caso o resultado seja não reagente, mas permaneça a suspeita de infecção, recomenda-se que a testagem seja repetida após 30 dias. 

Agora que você tem em mãos todas essas informações, fique atento e previna-se! O uso de preservativo em todas as relações sexuais é o seu principal aliado. 

Abrace essa causa e deixe o preconceito de lado. Se prevenir é o melhor remédio! 

Fontes: Ministério da Saúde e UFRRJ   

Últimas Publicações

Veja Nossos Vídeos

O De Bem com a Vida é um portal dedicado a reunir e disseminar boas práticas para saúde, bem-estar e qualidade de vida. Por meio de cartilhas e conteúdo, a plataforma traz informações atualizadas sobre o setor – notícias, legislação, dicas e muito mais. Além de agregar os insights e novidades em alta, o portal é atualizado mensalmente com campanhas de saúde e conscientização. O objetivo é compartilhar conhecimento de forma clara e didática e contribuir para a educação da população.

Inscreva-se
e receba novos conteúdos

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler Mais

Política de Privacidade & Cookies